NUEVO Debate – Intolerância de Gênero, com a professora Dra. Cintia de Souza Tortato

Fonte: Foto de Tim Mossholder no Pexels

Transcrição e resumo por

Karine Rossetto Obrzut

Segundo a professora Dra. Cintia de Souza Tortato, a intolerância de gênero pode ser identificada em momentos cotidianos, como esperar um resultado menos produtivo de uma menina ao realizar a mesma atividade que um menino, e perpassa por questões históricas e culturais, herdando, da colonização, a perspectiva do patriarcado. Embora hoje quase 50% de mulheres estejam chefiando famílias, diz ela, prerrogativas desse sistema social arcaico ainda são sobressalentes em diferentes esferas, como a escola elementar, família e mercado de trabalho.

Nesse sentindo, a professora explica que a construção da intolerância de gênero começa justamente na família, em situação nas quais as mães, para impor ordem, ameaçam “contar para o seu pai” sobre a bagunça dos filhos, transferindo o poder de autoridade para o homem. Desse modo, prossegue, uma das principais características do patriarcado, que é conferir domínio e autoritarismo à figura masculina, é perpetuada e será incorporada pela criança como um exemplo de conduta correta.

No mercado de trabalho, Tortato aponta que esse cenário se reflete na dificuldade que mulheres enfrentam para ascender em cargos mais altos, uma vez que a sociedade naturalizou a proatividade masculina e passividade feminina. Além disso, a entrevistada também comenta que, quando conseguem assumir colocações profissionais mais elevadas, as mulheres acabam sendo obrigadas a negarem sua feminilidade em nome do estereótipo de chefia e liderança masculina, como utilização de ternos, voz mais grave e fala endurecida.

Outrossim, a professora destaca que as questões de gênero não são contra os homens, mas são, sim, discussões sobre alguns pontos que estão em desequilíbrio na sociedade e cabem a todos. Em conclusão, Tortato enfatiza que só poderemos melhorar essa realidade quando olharmos para o próximo como somente uma pessoa, pois qualquer outro aspecto pertence ao mundo privado daquele indivíduo.

Confira a entrevista completa:

O Nuevo Debate é uma parceria entre a UFPR TV e tem como objetivo a divulgação de entrevistas de acadêmicos e pesquisadores, com a finalidade de popularizar o conhecimento científico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s